Grupo 2 – Nara

Este post se refere à atividade para o dia 11 de maio

Planejamento de

Testes de Usabilidade

  Software Escolhido para o Teste e Ambiente Sugerido

  • Biblioteca Universitária;
  • Análise do Sotware PERGAMUM.

         Propósito do Teste

  • Compreender o comportamento informacional dos usuários das unidades de informação, aplicando as funcionalidades sugeridas;
  • Avaliar a usabilidade do software PERGAMUM;
  • Conhecer as facilidades e dificuldades de utilização do sistema pelos usuários.

     Equipe Interna Envolvida

  • Bibliotecários;
  • Auxiliar Bibliotecário;
  • Aluno de Graduação;
  • Professor;
  • Técnico em TI.

      A configuração do ambiente de teste

  • Em uma Biblioteca Universitária, Aluno sobre o teste sendo filmado;
  • Técnico em TI observando fazendo o relatório e avaliando o aluno;

Em outra sala usou-se uma câmera que filmava tudo para avaliação final com a presença de Bibliotecários, Professor e Auxiliar Bibliotecário fazendo a avaliação.

  As funcionalidades escolhidas e como elas deverão ser executadas no sistema

  • Emprestar Itens – Aluno Universitário faz uma pesquisa ao catálogo on-line do Pergamum, diretamente ao registro da obra, solicitando à reserva que ficará disponível ao usuário até 24 horas no balcão de empréstimos, sendo cancelada se o usuário não comparecer até o prazo determinado pela biblioteca. Atendimento satisfatório, devido à rapidez por manter o histórico de cada usuário e efetiva gerência dos recursos e processos.
  • Adquirir Obra – O Sistema permite a utilização de um catálogo eletrônico com serviços de pesquisa rápida tanto por palavras ou termos, com acesso por consulta, usando pesquisa índice ou pesquisa básica, usando filtros se necessário, abrindo cadastro de exemplar, requisitar a obra e fazer a reserva.
  • Cadastrar Obra no Acervo – Cadastrar dados, atualizar, possibilitando fazer importação e exportações de dados, dependendo do tipo de banco de dados que a instituição vai utilizar para melhor recuperar a informação.
  • Gerar Carteirinha de Usuários – Somente com cadastro e senha atualizados, pelo sistema da Instituição.
  • Catalogar Obra – Acessar catalogação/cadastro de planilha, clicar em informações iniciais, selecionar o tipo de obra, digitar o termo ou classificação da obra, selecionar em unidade de informação e gravar. Não esquecendo, de preencher todos os campos solicitados pelo sistema, permitindo também fazer relatórios, consulta ao catálogo e a maioria dessas consultas pode ser feitas on-line, controlando aquisição e catalogação.

     Critérios e métricas de usabilidade

  • A pesquisa rápida – Possibilita o aceso direto pesquisa por materiais (multimeios, periódicos, teses, dissertações, monografias e etc.);
  • Pesquisa por Publicações Online disponibiliza o acesso às teses, dissertações e artigos online, fornecendo o acesso ao link destas publicações.

Conclusão

        Conclui-se que o Pergamum é eficiente em sua pesquisa rápida, mas havendo problemas com itens como ajuda que não apresenta uma forma mais clara para auxiliar o usuário que faz pouco uso de suas funções se torna confuso para achar respostas para a solução. A interface poderia ser melhorada disponibilizando uma orientação mais objetiva, facilitando o uso e eficácia na pesquisa.

Referências: http://portal.bu.ufsc.br/emprestimo-domiciliar/ acesso em 08.maio.2016.

http://portal.bu.ufsc.br/conheca-a-bu/administrativo/normas-gerais/#prazos acesso em 08.maio.2016.

http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/pdf/manual_pergamum.pdf acesso em 08.maio.2016.

http://www.ndc.uff.br/sites/default/files/arquivos/Manual_de_Catalogaoatual3_0.pdf acesso em 08. maio.2016.

 

Grupo 2 – Nara

Este post se refere à atividade para o dia 04 de maio.

Modelagem de Sistemas e Subsistemas

Setor de Aquisição

Atores

Um Gestor Financeiro;

Cinco Bibliotecários;

Um Pró- Reitor de Administração;

Um Técnico Administrativo da Pró-Reitoria de Planejamento.

Setor de Aquisição

Referências: http://portal.bu.ufsc.br/desenvolvimento-de-colecoes/comissao/

http://portal.bu.ufsc.br/desenvolvimento-de-colecoes/aquisicao/

 
Usabilidades para Bibliotecas

                                       Biblioteca Nacional Digital Brasil

Há Critério de usabilidade?  Sim A Manipulação é Direta?    Sim
Possui Logomarca? Sim Menu de navegação é confuso?   Não
O Site é lento?  Não Links são consistentes?    Sim
Pouco contraste entre o fundo e o texto? Não Links são fáceis de identificar?   Sim
Tamanho da fonte é muito pequeno? Não O campo de pesquisa no site é difícil de encontrar?    Não
Possui PopUps? Sim As URLS são mal estruturadas?  Não
Homepage deixa claro sobre o que o site é em poucos segundos?  Sim Os Ícones são de fácil reconhecimento?   Sim
Existe uma área para contato no site? Sim Os Ícones são de fácil recordação?  Sim
 A Interação é Flexível?  Sim Há facilidades como menus?   Sim
Há prevenção de erros?   Não Há conteúdo de diversas formas? Sim
Há mecanismos de ajuda? Não Há Classificação Funcional dos Comandos?   Sim
Os são Ícones de fácil recordação?  Sim Há Exibição apenas da Informação Relevante ao Contexto?  Sim
Apresentação Visual é boa?    Sim Há metáforas?   Não
Há Uso Adequado da Combinação de Cores?   Sim Há Customização?   Sim
Há uso de recursos visuais? Sim Há Feedback? Sim

Biblioteca PIO IX

Há Critério de usabilidade?  Sim A Manipulação é Direta?    Sim
Possui Logomarca? Sim Menu de navegação é confuso?   Não
O Site é lento?  Não Links são consistentes?    Sim
Pouco contraste entre o fundo e o texto? Não Links são fáceis de identificar?   Sim
Tamanho da fonte é muito pequeno? Não O campo de pesquisa no site é difícil de encontrar?    Não
Possui PopUps? Sim As URLS são mal estruturadas?  Não
Homepage deixa claro sobre o que o site é em poucos segundos?  Sim Os Ícones são de fácil reconhecimento?   Sim
Existe uma área para contato no site? Sim Os Ícones são de fácil recordação?  Sim
 A Interação é Flexível?  Sim Há facilidades como menus?   Sim
Há prevenção de erros?   Não Há conteúdo de diversas formas? Sim
Há mecanismos de ajuda? Não Há Classificação Funcional dos Comandos?   Sim
Os são Ícones de fácil recordação?  Sim Há Exibição apenas da Informação Relevante ao Contexto?  Sim
Apresentação Visual é boa?    Sim Há metáforas?   Não
Há Uso Adequado da Combinação de Cores?   Sim Há Customização?   Sim
Há uso de recursos visuais? Sim Há Feedback? Sim

Referências: https://bndigital.bn.br/

http://www.pul.it/it/info-generali/

Biblioteca PIO IX http://www.pul.it/info‐generali/

 

 

 

 

Grupo 2 – Nara

 

Atividade

Este post se refere á atividade para o dia 27 de abril

Usabilidade em U.I

Exemplificar no mínimo 5 situações de aplicação de usabilidade (dizer como seria feito) para cada uma das dimensões abaixo num contexto de uma U.I.:

(má usabilidade ou boa usabilidade)

  Recursos de Software/ Aplicações

  • Sistema com segurança garantida ao usuário, prevendo os erros permitindo a fácil recuperação ao estado anterior;
  • Sistema de fácil memorização para que o usuário se recorde como usá-lo, após algum tempo sem o uso;
  • Satisfação á realização de pesquisas, auxiliando na localização e apresentação na qualidade dos resultados;
  • Sistema Eficiente, garantindo o aprendizado do recurso com produtividade;
  • Navegabilidade de fácil acesso e interface do tamanho do texto na satisfação à leitura.

Recursos de Hardware/ Equipamentos

  • Interface do som distorcido;
  • Teclado do celular muito pequeno com difícil acesso à digitação de textos;
  • Quando não há tanta sensibilidade no sistema de comandos ao toque (Touchscreen);
  • Acesso á digitação do texto com teclados acessíveis e confortáveis;
  • Botões de navegação claros e precisos.

   Recursos de Dados/ Armazenamentos

  • Download;
  • Cópia de texto;
  • Recursos booleanos;
  • Histórico;
  • Planilhas.

 Recursos Humanos/Atores

  • Bibliotecários;
  • Usuários;
  • Técnicos administrativos;
  • Gerenciadores em TI;
  • Estagiários.

Recursos de Atendimento / Interface com o Usuário

  • Ouvidoria;
  • Legendas para deficientes auditivos;
  • Tutoriais;
  • Interface não atrativa – muito poluída;
  • Chat online

  Recursos de Acessibilidade

  • Sistemas operacionais com alfabeto braile e leitores de tela;
  • Terminais de autoatendimento com recursos para pessoas com baixa visão ou idosa;
  • Programas de reconhecimento de voz para pessoas com paralisia cerebral e que não possuem coordenação aos movimentos dos braços e outros;
  • Robôs de busca que facilitam a pesquisa;
  • Tutoriais de uso do sistema web;

 

Referências: https://irlabr.wordpress.com/apostila-de-ihc/parte-1-ihc-na-pratica/6-usabilidade-e-suas-metas/ acesso em 23. Abr. 2016

http://www.w3c.br/pub/Materiais/PublicacoesW3C/cartilha-w3cbr-acessibilidade-web-fasciculo-I.html. acesso em 23. abr. 2016

 

Grupo 2 – Nara

Líder: 1º Etapa

Atividade desenvolvida e postada no dia 06 de abril

Tendo em vista cumprir a parte coletiva da atividade, o grupo fez primeiramente um brainstorming e depois um mapa-mental de um processo técnico elaborado pelo bibliotecário e que já tinha sido estudado anteriormente por todos em sala de aula, para que nessa atividade fosse possível responder as perguntas propostas pelo professor, buscando elaborar um modelo essencial ao planejamento para realização das atividades, chegando ao conceito e definição para elaboração da indexação como meio de inserir no contexto de sistemas de informação em uma unidade de informação, identificando e usando exemplos de elementos do sistema de informação em uma unidade de informação, criando supostamente um serviço de indexação por um bibliotecário em uma biblioteca, verificando a funcionalidade do processo, objetivando o seu fluxo com intuito de facilitar o gerenciamento do profissional bibliotecário, visando à satisfação, recuperação da informação e precisão ao atendimento prestado ao público que se destina a cada tipo de bibliotecas.

Nessa atividade o colega Emmanuel sugeriu de usarmos como processo a indexação que, logo foi aceita pelo restante do grupo, prosseguindo com anotações para o desenvolvimento do trabalho, sendo que as finalizações e montagem das atividades são individuais, respeitando o que foi decidido em grupo. O colega Leandro criou um grupo fechado no facebook para mantermos contato se houver dúvidas e sugestões futuras, com intuito de facilitar nossa comunicação e desenvolvimento ao longo das atividades.

Acredito que não houve maiores dificuldades com a atividade em questão, só saberemos após avaliação realizada pelo professor.

Atividade desenvolvida e entregue no dia 13 de abril

Através da proposição do professor foi proposto um termo de abrangência ás solicitações que deveriam ser desenvolvidas nas discussões, sobre a técnica, pensado em Unidades de Informação em uma Biblioteca Universitária, usando exemplos de recursos necessários para a biblioteca escolhida pelo grupo, objetivando as necessidades e do que seria desejável e essencial para o cenário e seus respectivos atores.

Acredito que não houve problemas, inicialmente, sem maiores dificuldades para o grupo, somente no final da atividade em que eu encontrei dificuldades com o diagrama, acho que pelo fato de eu não ter habilidades com desenhos, tentei, pesquisei em alguns artigos, finalizei, entregando a atividade no prazo. Percebo que este tipo de atividade prática, requer mais exercícios para poder me direcionar melhor com as tarefas, ao contrário do restante do grupo que mostrou uma melhor compreensão e pensamento lógico com as atividades produzidas.

Conclusão

    Pude perceber que o grupo desenvolveu bem as atividades, respeitando os objetivos propostos em sala de aula, tanto pelo professor como nas decisões tomadas em grupo, cada um elaborou individualmente seu trabalho. Com uma reflexão mais abrangente ao desenvolvimento do trabalho verifiquei a importância do conhecimento do processo de uma organização da informação com detalhes mais específicos, traçando um breve panorama das tecnologias utilizadas e desenvolvidas em bibliotecas, constituindo um grande apoio no aprendizado no processo, agregando valores para melhor atender o usuário como profissional bibliotecário.

 

Grupo 2 – Nara

 Este post se refere á atividade para o dia 13 de abril

Exemplificar no mínimo 10 recursos para cada uma das dimensões abaixo, num contexto de uma Unidade de Informação:

Recursos de Software / Aplicações

  • Excel;
  • Sophia Biblioteca;
  • Stairs;
  • OpenBiblio;
  • Elisa;
  • BabyLibre;
  • Clipper;
  • MicroISIS;
  • Sophia Biblioteca;

Recursos de Hardware / Equipamentos

  • Computadores;
  • Teclados;
  • Caneta Òptica;
  • Mouse;
  • Impressora;
  • Vídeo ou Monitor;
  • Memória;
  • Papéis;
  • Office Excel;

Recursos de Dados / Armazenamento

  • Disco Rígido;
  • Cartões de Memória;
  • Pen Drives;
  • Arquivos de Computador;
  • Base de Dados Relacionais;
  • Backup;
  • Indexação por Acesso Remoto;
  • Mala-Direta
  • Email;
  • Periódicos Indexados em uma Base de Dado.

Recursos Humanos / Atores

  • Bibliotecários;
  • Assistentes Bibliotecários;
  • Técnicos em TI;
  • Docentes internos e externos;
  • Discentes;
  • Técnicos Administrativos;
  • Comunidade;
  • Estagiários;
  • Atendentes em Serviços de fotocópias e Digitalização;
  • Coordenadores.

  Recursos de Atendimento / Interface com o Usuário

  • Empréstimo;
  • Devolução;
  • Atendimento no Balcão;
  • Serviços de Referências;
  • Publicações;
  • Comprar e Catalogar Livros;
  • Suporte em TI;
  • Pesquisa Bibliográfica;
  • Capacitação de Equipe;
  • Reserva de Obra.

Recursos de Acessibilidade

  • Acervo em Braile;
  • Computadores com softwares específicos para deficientes;
  • Impressão em braile, texto em fonte maior para baixa visão e cópias ampliadas.
  • Rampas de acesso á cadeirantes;
  • Acesso á reserva via internet;
  • WI FI;
  • Projetos para calouros que acabaram de ingressar na faculdade á conhecerem os serviços e sistemas da biblioteca;
  • Orientação aos usuários no uso adequado aos recursos tecnológicos;
  • Leituras e digitalização de material didático;
  • Empréstimo de materiais tais como: lupas, cds, dvds, notebooks,  etc…

Definir um Cenário dentro de uma unidade de informação fictícia que possua os recursos exemplificados na atividade 1.

Cenário: Biblioteca Universitária

  • Funcionalidades Essenciais: Pergamum; Computadores; Email; Bibliotecários; Serviços de Referências; WI FI
  • Funcionalidades Desejáveis: Cursos de Capacitação; Oficinas de Arte; Recursos Informatizados de fácil Acesso; Recursos para Conservação do Acervo; Atendimento ao Usuário a Escolha Consciente de Ferramentas de Busca.
  • Funcionalidade de Informatização: Desenvolvimento de Formatos de Intercâmbio Bibliográficos Objetivando o Compartilhamento de Recursos; Recursos para desenvolvimento em Softwares próprios, facilitando a ligação entre bibliotecas Centrais á Bibliotecas Setoriais.

 Diagrama de Caso de Uso

Caso de Uso

Devolução do Livro á Biblioteca > Livro entregue na data marcada, portanto em dia.

Bibliotecário verificou no sistema o cadastro do aluno e deu baixa, liberando para o próximo aluno que aguardava o livro reservado.

 

Grupo 2 – Nara

  Este post se refere à atividade para o dia 06 de abril

   Identificar e dar exemplos elementos de sistemas de informação numa unidade de informação.

Resposta: Pensando em uma Unidade de Informação podemos escolher um livro, fazer uma leitura dinâmica do conteúdo, com o processo elaborar um resumo, possibilitando na decisão de interesse do conteúdo do livro, identificar palavras-chaves, assim em sua terminologia, classificando seu processo documental, fazer seleção de descritores que sejam realmente representativos, usando linguagem documentária que é essencial para descrever o conteúdo, onde há uma compreensão maior em sua linguagem natural ou controlada, usando a ideia para reconstruir uma nova forma analítica, visando assimilar e compreender o conteúdo temático do livro, extraindo do mesmo os aspectos mais importantes em sua análise interpretativa. Como exemplos podemos destacar o processo técnico manual, automatização dos dados levantados pelos elementos, representação dos termos mais relevantes como características e racionalização dos processos para melhor recuperação da informação com acervos e características da composição dos assuntos abordados, sempre respeitando seu público alvo.

De que forma estes elementos podem atuar em conjunto?

   Resposta: Com o objetivo na recuperação da informação e o processo em sua política com um roteiro e/ou gestão na qual vai se estabelecer a estruturação física e de recursos, conforme a política de indexação, podendo optar em sua gestão como eixo horizontal ou eixo vertical que seria a indexação propriamente dita. Como processo organizacional e representação do conhecimento e suas variáveis que influenciam a recuperação podemos destacar: a exaustividade; especificidade; a escolha da linguagem, revocação e precisão.

Considere que um SI foi aplicado a uma UI fictícia e identifique, neste contexto:

Entradas: mão de obra especializada, especialização e capacitação ao profissional, recursos financeiros, recursos tecnológicos e pessoas.

Mecanismos de Processamento de Dados: Sistemas operacionais com Java, Sinais, Memória compartilhada e outros.

Saídas: Conhecimentos e benefícios á satisfação ao público alvo.

Objetivos do SI: recuperação da informação, seleção e aquisição de documentos, processo de indexação, especificidade, estratégia de busca, avaliação do sistema, satisfação e desejo do usuário.

Ambiente: bibliotecas públicas, escolares, universitárias etc.

Recursos: Há feedback? Se sim, em que casos?

Sim. Recursos como exemplos: Software, Baby livredd, Sistema Pergamum, Mecanismos de Processos de Dados.

Quem executa o controle?

 O profissional Bibliotecário que é responsável pelo gerenciamento do processo de toda a estrutura informacional.

Referências

https://pt.wikipedia.org/wiki/Comunica%C3%A7%C3%A3o_entre_processos acesso em 02 abr. 2016.

https://www.marilia.unesp.br/Home/Publicacoes/politica-de-indexacao_ebook.pdf – p. 17-107 acesso em 02 abr. 2016.

file:///D:/Downloads/Aula%2002%20(30-mar)%20-%20Sistemas%20de%20Informa%C3%A7%C3%A3o%20(1).pdf acesso em 02 abr. 2016

 

 

 

 

 

Grupo 2 – Nara Temosko

Atividade 30/03

Como você define uma Unidade de Informação (UI)?Exemplifique.

O estudo das variadas formas de transmissão de informação, auxiliando o profissional bibliotecário para administrar, organizar, classificar todo o processo de aquisição diversificado em vários tipos de suporte, desenvolvendo ferramentas administrativas analisando problemas e soluções de acordo com o seu público alvo e a gestão da qual o profissional desempenha, sempre acompanhando o desenvolvimento das tecnologias no mundo, redefinido o papel do profissional e se ajustando conforme sua demanda diante a sociedade contemporânea.

Podemos destacar como exemplos bibliotecas universitárias ou bibliotecas especializadas de instituições privadas, centros de documentação, centros culturais e pesquisas.

Exemplifique serviços essenciais de uma UI (aqueles que se forem retirados descaracterizam a UI).

Há serviços essências de UI que fazem parte de todo o sistema como caracterização de todo o processo como exemplo: o Sistema Pergamum, o Marc 2, sistemas de software, web, sistemas de referência, base de dados, sistemas de seleção de rede, sistemas programados aos serviços públicos determinante a empresa, serviços privados e todo os sistemas que abrangem a classificação de atividades econômicas.

Como se estruturam Sistemas de Informação numa UI?

A estruturação de sistemas de informação numa UI está associado á busca sistemática e precisa á posturas ligadas á estratégias, abordando o conceito de inteligência competitiva para o monitoramento ambiental de informações e organizações tecnológicas, fundamental para o sucesso de uma empresa ou organização, se integrando à produção de informações necessárias e precisas, se adequando ao controle interno e externo, garantindo a confiabilidade de todo o processo informacional, planejamento administrativo, ressaltando em apresentar confiabilidade operacional, como em dados integrados entre si, contribuindo nas decisões e participação em uma organização. Serviços existentes que categorizam informações especializada, com apoio de redes de processamento de informação, com avaliação e gerenciamento automatizados, fortalecendo cada vez mais a estrutura profissional dessas ações e do profissional bibliotecário.

Referências:http://www.pergamum.pucpr.br/redepergamum/trabs/ArtigoSNBU.pdfhttps://pt.wikipedia.org/wiki/Unidades_de_informa%C3%A7%C3%A3o

http://eprints.rclis.org/5533/1/2004_24.pdf

https://www.bu.ufmg.br/rbu/index.php/localhost/article/viewFile/16/18

http://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/472/597WEB PRESENCE IN LIBRARIES REFERENCE SERVICES: LITERATURE REVIEWhttp://www.aedb.br/seget/arquivos/artigos12/28816533.pdf – acesso em 29/03/2016