Grupo 4 – Ariane

redessociais

Este post é referente a atividade do dia 22 de junho

Atividade numero um, de como integrar ferramentas colaborativas num sistema já existente de uma unidade de informação, mas especificamente, na biblioteca usando exemplos de ferramentas debatidas na sala de aula.

Atividade numero dois, que tipo de serviços inovadores a unidade da informação pode gerar através deste tipo de ferramenta colaborativa? Exemplos.

redes

    Respostas para atividades:

    Sugere-se as seguintes iniciativas: Criar um blog para a Biblioteca (plataforma aconselháveis blogsport ou wordpress) , Instagram fazer taggs mensais com temas específicos para divulgar livros (exemplo: terror, ficção,…) , Twitter para divulgar as novidades da biblioteca (principalmente cursos, filmes ou debates), youtube criar tutoriais e vídeos interativos para os usuários , Flickr no mesmo estilo que o instagram porém mais amplo acesso ate, Pinterest onde o usuário seleciona do que gosta e vem ideias inovadoras(muito útil para deixar a biblioteca física mais interativa com a sugestões de enfeites para cada época do ano), Tumblr pode ser usado como blog, como pagina de divulgação entre outros, o Tumblr e uma das ferramentas com o uso mais amplo e pouco conhecido.

Google+  também para divulgação porem já diretamente conectado com a conta de e-mail, ask.me como ferramenta integrada para interação para perguntas não tão serias dos usuários com a biblioteca, e-mail para duvidas, chat no sistema usado pela biblioteca para poder  tirar duvidas mais rapidamente, FAQ de perguntas mais frequentes da biblioteca. Utilizar nuvem de tag para recuperação da informação do site da biblioteca ou ate mesmo no sistema de busca de livros usados por ela, ficando os livros mais procurados em destaque no canto. Criar uma tag padrão para a biblioteca para ser usado pelos alunos e os funcionários nas redes sociais.

Criar um snapchat  para interagir de forma engraçada com o publico (aconselha-se deixar esta ferramenta na mão do estagiário) e uma localização no snapchat como na foto abaixo para divulgara biblioteca e onde o usuário se encontra e assim divulgar a biblioteca assim como muitas cidades e comércios já aderiram. Usar e ensinar os usuários a usar uma ferramenta tipo Skoob que ajuda você a organizar suas informações, saber que livros você já leu e quais você ainda tem interesse, podendo ate a biblioteca usar disso para ver o que seus usuários precisariam ler, gostam de ler e querem talvez tentar ler.

Linkar o Facebook com o sistema usado para assim que a catalogação e classificação da obra forem finalizadas estás as obras sejam lançadas como novidade direto no Facebook. Criar um Myspace com sugestões de musicas para o usuários com pastas criativas como:  Silêncio, Adoro estudar, Clássicos do calculo e entre outros, assim como no SoundCloud, que pode ser também gravado algumas parodias para os alunos decorarem os assuntos para provas, ou parodias cômicas como na UFSC existe (link).

Grupo 4 – Ariane

Este post é referente a atividade do dia 14 de junho

Você sabe o que é Crimes Cibernéticos?

Crime Cibernéticos, ou Cybercrimes é todo é qualquer prática ou atividade ilícita registrado, feito, divulgado ou compartilhado na rede. Os Cibercrimes são só aqueles feito na Internet? Não! Eles podem ser feito em redes, software,aplicativos…

Existem crimes como: ciberbullying, terrorismo cibernético, pornografia infantil, lavagem de dinheiro, roubo de dados, invasão de sistemas, disseminação de vírus, acesso a informação confidencial,… Ele pode ser feito de diversas forma, porém é  tudo que faz mal alguém, seja isso uma piada, uma foto que a pessoa não quer publique, sendo publicada.  Mas só aconteceram ou foram divulgados para ter um certo padrão de moral num grupo, mesmo assim é errado? SIM! Porque a internet é mais que um grupo, você postou em menos de 5 minutos todos os seus amigos e milhares de desconhecidos terão acesso a sua informação divulgada.

Existe também o universo Malware que são softwares de má conduta que são: Vírus, Worm, Backdoors, Cavalo de Troia(Tojan),Browser Hijackers, etc. Mais informações.

 

Você sabe se seus dados estão seguros?

Você como todos nos preza a segurança, mas você mantém seu computador seguro? Você usa antivírus, Firewall, anti-spywares, você tem senha para moderador no seu computador para que ninguém além de você possa baixar coisas, só abre arquivos confiáveis. Não clica em pop-ups, links estranhos, e-mail promocionais. Mais informações.

 

Sistemas Biométricos e Criptografia.

Biométrica é uma forma de provar quem você, a biometria e dividida em duas partes a física e a comportamental. Sistema Biométricos são  sistemas usados para reconhecer e distinguir características padrões seu principal trabalho é verificar se um usuário permitido e depois dizer quem é. sendo este sensores que digitalizam e capturam a informação para o sistema encontrado

Usa-se criptografia quando se precisa de um alto nível de proteção da informação. Existem uma nova criptografia usada pelos aplicativos a criptografia passo a passo ela é usada  principalmente pelo WhatsApp que tem como objetivo só você e quem se comunica tem acesso a sua informação.

 

 

Política

Política da UI é elaborado por um grupo de funcionários que vão ver as necessidades da biblioteca com relação a segurança, organização, estratégias em caso de emergência e  demais fatores da biblioteca e assim criar um documento para registrar e regulamentar o que esta sendo feito pela unidade, segurança nesta política é vista como um dos tópicos principais.

Segurança física como ter sistema de segurança, equipe de segurança, câmeras de segurança, arcos magnéticos, manter janelas fechadas, verificação periódica de em caso de incêndio e entre outros fatores,incluindo  biometria.

Segurança Computacional ter uma equipe de TI para lidar com ferramentas de softwares, antivírus, firewall, anti-spywares e entre outros, ter um Antivírus pago, ter  manutenção periódica das maquinas, ter senha para acesso dos usuários e senha para administrativo que só o pessoal do TI tem acesso, ter aplicativo que proíba a pop-ups de nas paginas e criptografar informações .

 

Referência

 

BRASIL. TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Boas práticas em segurança da informação. 2. ed. Brasília: TCU, 2007.

KOERICH, Alessandro L. . Sistemas Biométrico: Curitiba: Slide, 2004. 103 slides, color. Disponível em: <http://www.ppgia.pucpr.br/~alekoe/Papers/SistemasBiometricos-ERI2004.pdf>. Acesso em: 14 jun. 2016.

VIANA ROMANO, S. M. . Sistemas Biométricos aplicados a Segurança da Informação:: uma abordagem conceitual sobre os principais dados biométricos. Fatef Eletronica, S.l, v. 1, n. 1, p.26-31, 10 maio 2010. Disponível em: <http://www.fortec.edu.br/mkt/artigo5.pdf>.  Acesso em: 14 jun. 2016.

COSTA, Camilla. Quatro coisas que mudam com a criptografia no WhatsApp – e por que ela gera polêmica, BBC Brasil, 6 abr. 2016.b Disponível em: <http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2016/04/160406_whatsapp_criptografia_cc>. Acesso em: 14 jun. 2016.

MATSUKI, Edgard. Entenda o que é a criptografia de ponta-a-ponta, utilizada pelo WhatsApp, EBC,  5 abr. 2016. Disponível em: <http://www.ebc.com.br/tecnologia/2016/04/entenda-o-que-e-criptografia-de-ponta-ponta-utilizada-pelo-whatsapp>. Acesso em: 14 jun. 2016.

MICROSOFT. O que é criptografia?, [S.l.], c2016. Disponível em: <http://windows.microsoft.com/pt-br/windows/what-is-encryption#1TC=windows-7>. Acesso em: 14 jun. 2016.

CANALTECH. O que é cibercrime?, [S.l.], c2016. Disponível em: <http://canaltech.com.br/o-que-e/seguranca/O-que-e-cibercrime/>. Acesso em: 14 jun. 2016.

DUTRA, Moisés Lima. Crimes Ciberneticos. Florianopolis: Slide, 2016. 54 slides, color.

Grupo 4 – Ariane

Este post é referente a atividade do dia 08 de junho de 2016.

Atividade 1

BiblioPortal:

O  BiblioPortal é responsável pelo armazenamento do conhecimento de foram segura, simples e eficaz. Nosso portal é considerado um dos melhores do país, por ser interativo, simples e com design interessante para seus usuários, ele é voltado para empresas com bibliotecas pequenas e para o uso acadêmico tem espaço por ser um dos melhores nos preocupamos em fornecer cursos de capacitação  e acesso offline(limitado), possuímos senha de acesso para visitantes poderem testar o material restrito. Material restrito: artigo, livros pagos em pdf ou ebook de editoras filiadas, teses e dissertações de instituições filiadas.

Alguns dos materiais básicos do portal e o menu de busca, busca avançada, histórico, manual de como usar a BiblioPortal, dados das empresas e universidades filiados e do próprio portal. Como dito anteriormente o portal oferece busca avançada e busca simples para quem não é assinante também, porém estes tem acesso restrito aos resultados.

Atividade 2:

 

MiniBiblioteca: Fácil de manusear, interessante e simples de complementar as campos, não precisa ser profissional para entender, tem cores atrativas e informações como manual, versão do aplicativo que é totalmente gratuito e licenças deste.

BiblioExpresse:  Programa gratuito que trata dos dados do livro, não consegui achar como fazer  usuário ou empréstimo, porém consigo alterar as informações dos livros  que estão ali contidos e criar novas.

Biblioteca Fácil:  

Design simples, menus interativos e bem desenhados mostrando amplitude do sistema e sua capacidade de conter mais conteúdo , cadastro de usuários e livros de forma simples sem precisar consultar manuais. Faz etiquetas para os livros e mostra o movimento dos mesmo. (pago) não consegui baixar com facilidade.

BookDB:

 Design interativo, layout simples porem confuso, tem como mudar de língua para português, trabalha como a Biblioexpress mas com importação e exportação de dados sendo assim uma boa ferramenta para uso de transação da informação, tempo de teste gratuito (pago).

Atividade 3:

Motivos para comprar!!!

MiniBiblioteca: Motivos para comprar

BOOKDB- Porque compra?

 

Não comprar ???

BiblioExpress – Motivos para não comprar

Biblioteca Fácil – Porque não comprar esta dificuldade

 

Referências

(Todas as imagens são prints da tela ou feitos  pela aluna no paint)

Tabela feita por Jackson (integrante do grupo) para grupo 4  usar na atividade

Grupo 4 – Ariane

Este post é referente a atividade do dia 01 de junho  de 2016.

Atividade 1:

A instituição portadora de informação que disponibiliza pdf para ensino em casa tem que pagar para um base de software livre, que geralmente são pagos, que portam as informações e assim pagar ao autores toda vez que seu material for disponibilizado ou/e baixado. Na pratica só podem ser disponibilizado  se possui copyrigth que disponibiliza as obras sem que este possa ser alterado, creative commons  que permite a disponibilização,alteração, copia de parte do material ou sua modificação parcial estes podendo ou não ser comercializados sendo usado estes dois nas bases para que não renda processos para os bibliotecários ou para os usuários através de plágios ou  corte de direitos do autor.

 

Assim como são usados as bases com software livres que só tenha licenças, também disponibilizar nos softwares da biblioteca, a biografia de cada  livro da biblioteca e proibir a pratica de scanner  desmedida das obras mas que o permitido em algumas biblioteca (xerox só vinte pagina), assim como usar senhas de bases onde os autores só disponibilizam para o meio acadêmico e que só possam ser usados dentro da biblioteca estes são alguns exemplos de politicas intelectual na WEB que vem com a responsabilidade da Biblioteca disponibilizar a informação porem de forma correta através de termos de compromisso e termos de concedimento com bases e/ou bancos dados e autores.

Atividade 2:

Biblivre: Nota 9

Classificação:

Modelo do site é bom e interativo, fácil de manusear e de conseguir  informação, cadastrar informação e usuário é muito bom, As funcionalidades básicas e saber ler e entender um pouco dos termos usados no site ,enquanto as desejáveis seriam buscar contemplar todos os campos possíveis para satisfazer uma biblioteca de forma gratuita que é quase uma funcionalidade essencial, porém tive um pouco de dificuldade para pesquisar o livro e emprestar ele por falta de pratica.

PHL: Nota 5

Classificação :

Dificuldade com  o design do site, tem muita coisa diferente do esperado mais complicado para cadastrar, tem que ler o manual antes de fazer algo. Depois  de ler o manual só tive dificuldade de fazer reserva, muito campos desnecessários sendo sem logica de biblioteconomia  em algumas áreas (campos relativos aos temas).

Atividade 3:

Imagem também disponível no link.

Tabela elaborada por Aluno(Jackson) para Grupo quatro usar na Classificação segue a baixo

Referencia

Todas as imagem fora criadas pela Aluna. Tirando as Tabela de Carinhas que foram elaborados para grupo 4.

Grupo 4 – Ariane

Este post é refere à atividade para o dia 25 de maio de 2016

Atividade 1:  Uma tarefa para cada recurso  e 10 subtarefas (passo-a-passo)

Recurso de Acessibilidade: Acessar  Wi-Fi

  1. Pesquisar planos de Internet;
  2. Encontrar empresa para instalar;
  3. Perguntar preço do  Wi-Fi;
  4. Contratar empresa para instalar;
  5. Escolher pontos estratégicos para por os Roteadores;
  6. Escolher modelo de roteador;
  7. Oferecer ajuda para a equipe de instalação  (opcional);
  8. Configurar Wi-Fi;
  9. Definir Nome do Wi-Fi;
  10. Definir Senha;
  11. Usar  Wi-Fi.

 

Recurso de Atendimento:  Cadastrar Empréstimo

  1. Ligar computador;
  2. Colocar no sistema de Software;
  3. Abrir abas de Empréstimo e devolução (dentro do sistema);
  4. Pegar Livro do Usuário;
  5. Solicitar Matricula do Usuário;
  6. Solicitar Senha do Usuário;
  7. Passar Obra sobre Leitor de código de barras;
  8. Clicar em Emprestar;
  9. Verificar se empréstimo foi realizado;
  10. Concluir empréstimo devolvendo o livro para o leitor.

 

Dados: Salvar documento no computador através de CD

  1. Ligar Computador;
  2. Colocar CD no porta CD do computador;
  3. Esperar carregar  a informação;
  4. Abrir pasta com dados;
  5. Selecionar pasta;
  6. Copiar dados;
  7. Colar em outra pasta os dados;
  8. Fechar pasta anterior;
  9. Verificar se foi para nova pasta;
  10. Retirar CD.

Recurso de Hardware: Possuir terminais de Consulta

  1. Contar com mesas;  
  2. Dispor de Cadeira;
  3. Possuir computadores a mais;
  4. Ter mouses;
  5. Dispor de Teclados;
  6. Possuir Wi-Fi;
  7. Possuir Sistema de Software de busca da biblioteca no computador;
  8. Posicionar em Lugares de Fácil acesso;
  9. Estar sempre ligados os computadores;
  10. Ter sempre terminais disponíveis.

 

Recursos Humanos: Contratar Funcionário

  1. Conferir se setor de contratação esta contratando;
  2. Disponibilizar de Dinheiro;
  3. Solicitar Edital de vaga;
  4. Criar edital para vaga;
  5. Disponibilizar Edital na Web;
  6. Criar local de Inscrição;
  7. Ter Inscritos no Edital;
  8. Criar uma prova para nivelar participantes;
  9. Aplicar Prova;
  10. Contratar os melhores na prova.

 

Recurso de Software: Cadastrar obra

  1. Ligar computador;
  2. Entrar no sistema;
  3. Pegar livro;
  4. Verificar se já foi cadastrado
  5. Pegar dados
  6. Fazer classificação;
  7. Fazer Referência;
  8. Fazer Indexação;
  9. Fazer Resumo;
  10. Fazer palavra-chave
  11. Cadastrar dados nos sistema;
  12. Conferir dados;
  13. Colocar lombada na Obra
  14. Colocar dados no sistema
  15. Disponibilizar para o Usuário.

Atividade 2: Escolha uma das tarefas produzidas na Atividade 1 e mostre o fluxo interno de suas subtarefas por meio de um Diagrama de Atividades. O recurso escolhido foi o de Software que segue aqui em baixo:

 

Grupo 4 -Ariane

Este Post é referente a atividade do dia  11 de maio de 2016

Propósito do teste:

Avaliar  os mecanismos usados para atendimento, processamento  e aquisição estão funcionando corretamente, sendo este um software temos que verificar se ele atende alguns pré-requisitos.

Ambiente de teste:

Usaremos duas salas, uma de teste e outra para observadores como pesquisadores e usuários analisarem os procedimento do software e seu funcionamento estas salas contaram mobiliário e computadores, sendo que uma contara com câmeras e microfones para que a sala de observação tenha como acompanhar seu desempenho.

Funcionalidades:

  1. Emprestar Itens
  2. Adquirir Obra
  3. Cadastrar Obra Acervo
  4. Gerar no Carteirinha Usuários
  5. Catalogar Obra

Ser executadas:

Adquirir obra deve ser feito por meio de compra, permuta ou doação o livro deve estar em bom estado, sendo assim encaminhado para o cadastramento da obra que vai verificar se já existe uma catalogação ou não e se não existir uma catalogação da obra no sistema fará uma e assim gerando uma etiqueta e o livro será levado para estante para ser emprestado que deve ocorrer de forma simples código de barra passa pelo leitor de código que e feito no balcão de empréstimo, devolução e que se faz o cadastro do usuário através do sistema e sua carteirinha de usuário da biblioteca.

Equipe envolvidas:

  1. Bibliotecário do Atendimento,
  2. Bibliotecário do empréstimo,
  3. Bibliotecários técnico,
  4. Bibliotecário da Referencia,
  5. Responsável pela TI
  6. Direção da biblioteca

Usuários selecionados:

  • um bibliotecário de cada setor, um ou dois usuário , dois observadores externos (pesquisadores contratados).
Métrica:
  • Satisfação
  • Tempo de execução

As etapas detalhadas do teste

Selecionar funcionários e usuários para o teste, criar ou locar um local especifico para ser aplicado,analisar como são adquirido ou sugeridos as aquisições, colocar que estão para ser adquiridos no sistema e quando forem adquirido e que estão para processamento técnico. Analisar se existe cadastro da obra senão, cadastrar obra e assim criar etiqueta e código de barra. disponibilizar o livro para estantes mudando seu status no sistema.

Criar a carteirinha para os usuários, preenchendo assim seus dados no sistema para que ele possa usar o sistema sem auxilio bibliotecário em qualquer local com ou sem seu login,emprestar o livro, fazendo a baixa automática do sistema que ele não se encontra a biblioteca mostrando quando ocorrera sua devolução.

Grupo 4 -Ariane

Este post é referente  a atividade do dia 04 de maio de 2016.

Avaliação Interna de Qualidade se dividi em duas partes o monitoramento continuo e autoavaliação periódica.

O cenário escolhido foi a biblioteca no setor de Avaliação Interna de Qualidade sendo este analisado a satisfação dos usuários e funcionários área do atendimento. , sendo os atores: a direção da biblioteca ou gestores que vai solicitar a avaliação, o usuário que tem que mostrar nível satisfação sendo assim como  objetivo a ser alcançado pelos funcionários, sendo este usuário a sociedade acadêmica sendo professores e alunos. Funcionários: bibliotecários e técnicos  atender  os usuários para que este aprendam a recuperar os livros sendo bem atendidos. Pessoa do comité de analise de avaliação que serão pesquisadores  que analisaram a o setor.

Atores:

  1. Bibliotecários
  2. Técnicos
  3. Professores
  4. Alunos
  5. Pesquisadores – comitê de analise
  6. Direção da biblioteca

Funcionalidades são as partes essências para o atendimento de uma Biblioteca:  atividades culturais que são expostas em áreas pré estabelecidas. Acesso a internet é básico da biblioteca assim como a consulta local os usuários tem que ter acesso ao programa de dados para poder pesquisar, usando a internet.

Empréstimo domiciliar, Empréstimo, Empréstimo local pode parecer a mesma coisa mais os usuários são diferentes , que precisam ser atendidos de forma diferente o aluno normal vai a biblioteca pega o livro e o retira da biblioteca, o Aluno do EAD faz uma solicitação pelo sistema para que o livro seja enviado pelo correio para ele, já o tramete precisa se ter uma base comum para saber o que se tem na outra biblioteca ou pesquisar ate achar qual tenha o livro que você quer saber se aceita permuta ou enviar de bom grado, para assim ser enviado por correio.

Comutação Bibliografia é permitir o xerox e o uso do material online, disponível na biblioteca gratuitamente. Visita guiada ajuda na capacitação do usuário nem todos os professores ou usuários tem interesse porém e assim que se capacita  que é assim que ele aprender a ser independente dos bibliotecários, devolução pode ser feita por quem for, por correio ou malote, também e de responsabilidade do setor de atendimento da biblioteca.

Funcionalidades:

  1. Atividades culturais e/ou exposições
  2. Consulta local;
  3. Empréstimo domiciliar;
  4. Acesso a internet
  5. Comutação bibliográfica;
  6. Empréstimo  
  7. Empréstimo entre bibliotecas
  8. Visita Orientada;
  9. Devolução
  10. Capacitação  


Com base no sistema e no subsistemas criei  Modelo no UML Violet explicando o subsistema

:

Usuário precisa ter alguma das informações básicas do livro para que assim ele posa recuperar o mesmo como o nome do autor – com ou sem ajuda da bibliotecária – para ser processado na busca pelo nome do livro recuperando assim o nome deste que assim você procura o  seu numero de chamada para achar na estante, sendo que com isso que o usuário descobre que não tem o livro nesta, mas tem em outra, a bibliotecária solicita assim que  Biblioteca B envie o livro para  Biblioteca A  pelo  correio, Biblioteca B envia ou não  o livro para biblioteca A para que o usuário  possa ler o livro.

 


REFERÊNCIAS

 

ESTRUTURA INTERNACIONAL DE PRÁTICAS PROFISSIONAIS DO IIA. Programa de avaliação de qualidade e melhoria. São Paulo: Instituto dos Auditores Internos do Brasil, [200-?]. Disponível em: <http://www.iiabrasil.org.br/new/2013/downs/guia_pratico/programa_avaliacao_qualidade_melhoria_3.pdf>. Acesso em : 3 maio 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA. Relatório de atividades: de janeiro a dezembro de 2014. Florianópolis, 2015. Disponível em: <http://portal.bu.ufsc.br/files/2014/10/Relatorio_SiBi_2014_versao-final.pdf>. Acesso em: 3 maio 2016.